tipminer

SEÇÕES

Chuvas no Recife: número de mortos sobe para 35; só hoje foram 28 óbitos

Pelo menos 200 milímetros de chuva caíram só neste sábado, muito acima do previsto pela Agência Pernambucana de Águas e Clima (APAC).

chuvas | Reprodução
FACEBOOKWHATSAPPTWITTERTELEGRAMMESSENGER

Mais 30 mortes foram confirmadas no Grande Recife após deslizamentos de barreira neste sábado (28). Com esse aumento, subiu para 35 o número de óbitos provocados pelas fortes chuvas que atingem a Região Metropolitana e a Zona da Mata somente nesta semana. Além de uma morte no Córrego do Jenipapo e outra no Sítio dos Pintos em Recife, outras 20 pessoas morreram devido a um deslizamento de terra na comunidade Jardim Monte Verde, no bairro do Ibura, na Zona Sul da capital pernambucana.

Em Camaragibe, no Grande Recife, três pessoas morreram após um deslizamento de barreira na manhã deste sábado (28). Os nomes e as idades das 22 vítimas não foram divulgados. Os temporais em Recife trouxeram uma série de transtornos aos cidadãos pernambucanos. Pelo menos 200 milímetros de chuva caíram só neste sábado, muito acima do previsto pela Agência Pernambucana de Águas e Clima (APAC).

Segundo o Corpo de Bombeiros, deslizamentos e desabamentos ocorreram em: Sítio dos Pintos, Córrego do Jenipapo, Sucupira e São Lourenço da Mata.

“O Corpo de Bombeiros Militar de Pernambuco está realizando desde a madrugada do dia 28 de maio, várias ocorrências de relevância referente a deslizamentos e desabamentos da região metropolitana da cidade do Recife e Grande Recife”, disseram os militares, em nota.

Moradores ficaram desabrigados (Foto: reprodução)

O prefeito de Recife, João Campos (PSB), afirmou que está tomando medidas de urgência, como a abertura de escolas nos locais em que os casos estão mais graves para abrir pessoas que perderam acesso às residências. “Ativamos o Plano de Contingência para enfrentar as chuvas causadas pelo rigoroso fenômeno Ondas de Leste – em alguns pontos o acumulado chega a 428 mm nas últimas 96h. Infelizmente, tivemos algumas ocorrências gravíssimas e a Defesa Civil já está em campo prestando atendimento”, disse Campos.

“Estamos abrindo as escolas nos locais mais críticos para reforçar a oferta de abrigo e pedimos que as pessoas evitem ao máximo as locomoções pela cidade”, continuou.

Outras mortes

As chuvas fortes que atingem o Grande Recife e a Zona da Mata desde o domingo (22) provocaram a morte de outras cinco pessoas nesta semana:

José Cláudio da Silva, de 62 anos - soterrado em deslizamento de barreira no Córrego do Abacate, no bairro de Águas Compridas, em Olinda. 

Aureogildo Antônio de Vasconcelos Júnior, de 36 anos: caiu num canal na Avenida Presidente Kennedy, em Olinda;

Rosemary Oliveira da Silva, de 44 anos, e Sérgio Pimentel dos Santos, de 54 anos: soterrados em deslizamento de barreira no Córrego do Abacaxi, no bairro de Caixa D'Água, em Olinda;

Alex Rodrigo da Luz, de 41 anos: foi arrastado pela correnteza enquanto tentava resgatar um cavalo em uma rua alagada no Conjunto Muribeca, em Jaboatão.

Além dos óbitos, as chuvas fizeram com que quase mil pessoas deixassem as casas onde moram por causa dos alagamentos e deslizamentos de terra.

Balanço da Defesa Civil

A Defesa Civil do Recife recebeu 198 chamados da população das 19h da sexta (27), às 10h deste sábado (28),entrepedidos de vistoria e solicitações de lona plástica. O Samu Metropolitano do Recife recebeu 57 chamados nas últimas horas, sendo 26 para atendimentos na capital pernambucana, 22 para Jaboatão dos Guararapes e nove em Camaragibe.

A Secretaria de Educação do Recife disponibilizou 14 escolas e creches da rede municipal de ensino para abrigar as famílias desabrigadas em função das chuvas. São elas:

  • Escola Municipal Célia Arraes (Várzea)

  • Escola Municipal Diná de Oliveira (Iputinga)

  • Escola Municipal Casarão do Barbalho (Detran)

  • Escola Municipal São Cristóvão (Guabiraba)

  • Escola Municipal Mathias Delgado (Jardim São Paulo)

  • Escola Municipal Água Fria (Passarinho)

  • Escola Municipal Campina do Barreto (Passarinho)

  • Escola Municipal Marluce Santiago (Passarinho)

  • Escola Municipal Alto da Bela Vista (Alto da Bela Vista)

  • Escola Municipal Paulo VI (Linha do Tiro)

  • Creche Santa Luzia (Torre)

  • Creche Rosa Selvagem (UR-7/Várzea)

  • Creche Miguel Arraes (Roda de Fogo)

Inmet emite alerta de "grande perigo" por causa das chuvas no litoral do NE

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu um novo aviso nesta quarta-feira (25) com grau de severidade de "grande perigo" para o litoral de estados como Paraíba, Pernambucoe Alagoas. O alerta se deu por causa das chuvas que atingem Alagoas e Pernambuco desde a noite de terça (24). Dois avisos já tinham sido emitidos na noite anterior, mas eram mais brandos que o atual.

Em Maceió, a chuva já provocou estragos. Foram registrados alagamentos e deslizamentos nas primeiras horas da manhã. No interior, há registros de casas inundadas em Rio Largo e de desabamento de residências em Penedo.

Inmet emite alerta de 'grande perigo' por causa das chuvas no litoral do NE- Foto: Reprodução

O Centro de Hidrografia da Marinha do Brasil prevê ondas que podem atingir 2,5 m na extensão que vai de Salvador até Natal, passando por Maceió. A visibilidade pode ficar restrita em alto mar durante as pancadas de chuva.

Alerta vermelho

O alerta na cor vermelha indica que pode chover volume superior a 60 mm/h (chuva forte) ou acima de 100 mm/dia no Leste Alagoano, o dobro do volume considerado pelos meteorologistas para classificação de chuva muito forte.

O Inmet alerta para o "risco de grandes alagamentos e transbordamentos de rios e grandes deslizamentos de encostas".

Orientações para os seguintes cuidados durante as chuvas:

  • Evite enfrentar o mau tempo
  • Observe alteração nas encostas
  • Permaneça em local abrigado
  • Em caso de situação de inundação, ou similar, proteja seus pertences da água envoltos em sacos plásticos
  • Obtenha mais informações junto à Defesa Civil (telefone 199) e ao Corpo de Bombeiros (telefone 193)



Participe de nosso grupo no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link


Tópicos
tipminer Mapa do site